Booking.com

 
 
 

Londres; Reino Unido

Londres

Benvindo a Londres, a Capital e cidade mais populosa e mais visitada do Reino Unido, um autêntico mundo com imensos locais espetaculares para visitar e muita coisa para fazer.

Londres

Como chegar a Londres

Aeroportos em destaque em Londres:

 

Aeroporo de Heathrow em Londres (LHR) 22,6 km

Servindo mais de 190 mil passageiros por dia, o Heathrow, em Londres, tem uma série de superlativos - não só é o aeroporto internacional mais movimentado do mundo, mas o maior do Reino Unido, o mais próximo de Londres e, desde a abertura do seu quinto terminal em 2008, abriga o maior edifício independente do Reino Unido. Com mais de 90 companhias aéreas voando de e para os mais de 170 destinos internacionais atendidos, se você estiver viajando para Londres, há uma boa chance de você aterrisar no aeroporto de Heathrow.

O único aeroporto ligado à cidade pelo metrô de Londres, Heathrow torna-se uma escolha conveniente, mas o enorme aeroporto pode parecer desorientador para os visitantes de primeira viagem, por isso, reserve tempo para o check-in, recolher a sua bagagem e passar pela segurança. Não se preocupe se você está chegando despreparado ou se o seu voo está atrasado, o Heathrow tem praticamente tudo o que pode precisar, desde câmbio, a acomodação a depósito de bagagens.

 

Transferes de e para aeroporto em Londres

 

 

Aeroporto de Gatwick (LGW) 39 km

O maior aeroporto do Reino Unido depois de Heathrow, Gatwick (LBV) serve mais destinos do que qualquer outro no Reino Unido, com voos de e para mais de 200 cidades em 90 países ao redor do globo. Aqueles que viajam para o Gatwick ficarão satisfeitos, mais de 34 milhões de passageiros passam pelos dois terminais do aeroporto a cada ano, e o aeroporto está convenientemente situado em Londres e é excelente para visitar o sudeste da Inglaterra.

Orgulhoso de seu status de "o mais eficiente aeroporto com uma pista única no mundo", o Gatwick também está bem servido com lounges e amenidades VIP, áreas de recreação infantil, salas de oração, de bagagem, lojas de câmbio podem ser encontrados em ambos os terminais, além de uma vasta gama de lojas de grife oferecendo descontos tentadores, e uma enorme variedade de bares, restaurantes e cafés para escolher.

 

Transferes de e para aeroporto em Londres

 

 

Aeroporto de Londres Stansted (STN) 51,2 km
Aeroporto da Cidade de Londres (LCY) 12,8 km

 

 

Onde Ficar em Londres

A melhor seleção de Hotéis com desconto e promoções de Férias em Londres

 

 

As melhores zonas para ficar hospedado em Londres

 

Mapa de Londres

 

 

City of London

Também conhecida como Square Mile, a City of London é uma sub-região de Londres, que cobre a área que, há séculos atrás, ficava dentro dos muros originais construídos pelos romanos. Hoje, ela é mais conhecida como um centro financeiro internacional. Embora não seja um bairro padrão de Londres, a City tem a sua própria administração, um conselho cerimonial separado e população de pouco mais de 8 mil pessoas. Oficialmente reconhecida como uma entidade independente, ela ainda tem sua própria força policial e mantém uma sensação única diferente do resto de Londres.

As maiores atrações da City of London são a Catedral de São Paulo, a Tower Bridge e a Torre de Londres. Outras atrações incluem o Banco da Inglaterra, Mansion House, o Monument, o Barbican Estate e o Museu de Londres.

 

 

Soho

O Soho é uma das áreas mais famosas de Londres. Delimitado por Charing Cross Road, Oxford Street, Regent Street e Shaftesbury Avenue, é um emaranhado de ruas estreitas e movimentadas, com alguns dos melhores cafés de Londres (Bar Italia), locais de música (Ronnie Scott), bares (The French House), lojas, baladas e história. Uma vez famosa como área da luz vermelha, atualmente é um centro cultural, cheio de atores, artistas, músicos, e também o centro da cena gay de Londres.

No verão, as pessoas chegam na adorável Soho Square para se jogar no gramado. No inverno, venha passear na Carnaby Street e pela famosa loja de departamentos Liberty e comer os doces da Princi de Wardour Street. Sente-se do lado de fora do Bar Italia e veja o movimento, especialmente antes e depois dos espetáculos teatrais da Shaftesbury Avenue nas proximidades.

 

 

 

Distritos de Londres

Acton
Abbey Wood
Anerley
Beckton
Bloomsbury
Brockley
Blackheath
Bethnal Green
Bermondsey
Barnes
Battersea
Belgravia
Balham
Bayswater
Brent
Camberwell
Camden Town
Clapham
Chiswick
Charlton
Clapton
Chelsea
Covent Garden
Camden
Canary Wharf e Docklands
Clerkenwell
City of London
Chinatown
Centro de Londres
Deptford
Ealing
Earls Court
Fitzrovia
Forest Hill
Friern Barnet
Fulham
Golders Green
Greenwich
Hackney
Hammersmith
Hampstead
Herne Hill
Highbury
Highgate
Holland Park
Hyde Park
Hammersmith e Fulham
Islington
St Johns Wood
Kentish Town
Kings Cross St Pancras
Kensington
Knightsbridge
Lambeth
Lee
Lewisham
Maida Vale
Mortlake
Mayfair
Marylebone
Norwood
Notting Hill
Newham
Oxford Street
 
Peckham
Piccadilly
Putney
Paddington
Pimlico
Park Lane
Regent's Park
Shepherds Bush
Shoreditch
Southwark
Streatham
Sydenham
St James
Soho
South Kensington
Stratford
Spitalfields
St. Pancras
Kensington e Chelsea
Tooting
Tower Hill
The Strand
Tower Bridge
Theatreland
Tower Hamlets
Victória
Walthamstow
Walworth
Wandsworth
Wapping
Wembley
West End
Whitechapel
Whitehall
Woolwich
Wimbledon
West Ealing
Westminster
Waterloo
Westminster Borough

 

 

O que fazer em Londres / o que visitar

 

Excursões, ingressos, atividades e coisas para fazer em Londres

 

 

 

Trafalgar Square

Datada de 1820 e batizada em homenagem à última grande vitória do Almirante Nelson, Trafalgar Square é central na vida de Londres. Com a National Gallery de um lado, a bela igreja St Martin in the Fields no outro lado da rua e a famosa Coluna de Nelson com seus leões que a protegem, é a praça mais grandiosa de Londres. É aqui que Londres celebra momentos como o Ano Novo Chinês e vitórias nos Jogos Olímpicos, bem como abriga uma enorme árvore de Natal. É também aqui que os londrinos mostram o seu descontentamento e protestam contra guerras e pela liberdade de expressão.

Trafalgar Square é um lugar maravilhoso para sentar e ver o mundo passar. Há uma ditado de que se você se sentar aqui por meia hora, vai ver alguém que você conhece, porque, em algum momento, o mundo inteiro passa por Trafalgar Square,.

 

 

 

Abadia de Westminster

A Abadia de Westminster tem sido o local de adoração para os reis e rainhas e tem uma história bastante rica. Desde 1066 tem sido a igreja da coroação - 38 reis e rainhas da Inglaterra foram coroados aqui. A Rainha Elizabeth II se casou aqui e o funeral da princesa Diana, foi realizada aqui. Dezassete monarcas estão sepultados aqui. A abadia é cheia de arte e monumentos a soldados, estadistas, artistas e poetas como Shakespeare e Charles Dickens.

 

 

 

Buckingham Palace

O Palácio de Buckingham tem servido como a residência oficial dos soberanos da Grã-Bretanha em Londres desde 1837. O mais impressionante são as Salas de Estado, que formam o coração do palácio. Eles são luxuosamente decorados com tesouros da Coleção Real e adornados com pinturas de Rembrandt, Rubens, Vermeer e Canaletto. Veja também os excelentes exemplos de porcelana S'vres e alguns dos melhores móveis ingleses e franceses do mundo. Lá fora, maravilhe-se com a a cerimônia de Troca da Guarda.

 

 

 

Troca da Guarda no Palácio de Buckingham

Ao visitar Londres, o roteiro de nenhum turista estará completo sem incluir a famosa Troca da Guarda, que acontece no Palácio de Buckingham.

Com toda a sua pompa e estilo, os soldados da Guarda da Rainha marcham até o Palácio de Buckingham com seus emblemáticos trajes vermelhos e chapéus de pele de urso, tudo tradicionalmente enriquecido pelas músicas tocadas pela banda regimental. Devido à sua popularidade, é recomendável chegar mais cedo para conseguir um bom lugar e uma boa visualização da cerimônia.

Essa é a mais antiga cerimônia vinculada ao Palácio de Buckingham e é, atualmente, uma verdadeira representação das pitorescas pompas e circunstância que fazem a Família Real Britânica ser tão fascinante! Esta antiga tradição não pode ser morrer, aprecie você também quando estiver em Londres!

 

 

 

Catedral de São Paulo

A Catedral de São Paulo (St Paul's Cathedral) foi construída por volta de 1680, após o grande incêndio de Londres, mas uma igreja de São Paulo existiu aqui desde 604AD. Idelizada por Sir Christopher Wren, a atual Catedral São Paulo representa um marco icónico da paisagem de Londres. A Catedral de São Paulo é o coração da Igreja da Inglaterra e muitos casamentos reais e funerais acontecem lá, incluindo o casamento de Charles e Diana. Um dos destaques de uma visita à Catedral é a Galeria dos Sussurros (Whispering Gallery) na cúpula, onde, devido ao seu estilo de construção, você pode sussurrar em uma parede e ser ouvido no lado oposto da galeria. Sua cripta é o local de sepultamento de muitas pessoas importantes, incluindo o próprio Sir Christopher Wren.

 

 

 

Downing Street

Poucos endereços de Londres são tão famosos quanto 10 Downing Street, uma moradia georgiana listada como Grade I (de excepcional interesse) e residência oficial e escritório do primeiro-ministro britânico desde 1735. Séculos de reuniões do governo, decisões importantes e alguns escândalos aconteceram por trás da icônica porta preta da propriedade (que só pode ser aberta por dentro e nem mesmo o primeiro-ministro tem a sua chave) e ex-residentes incluem Winston Churchill, Margaret Thatcher e Tony Blair.

Por razões de segurança, o acesso à Downing Street é limitado a apenas funcionários do governo, enquanto os visitantes podem somente espreitar através da patrulha policial dos portões de ferro, mas ainda é um destaque no itinerário de muitos turistas, e há sempre a chance de ver o próprio primeiro-ministro por ali. Quem quiser ver mais de perto, pode conferir o tour de vídeo no site da Downing Street ou, se tiver sorte, participar de um dos passeios do evento Open House de Londres.

 

 

 

London Eye

Desde quando foi oficialmente aberoa, na véspera de Ano Novo de 1999 (como parte das celebrações à chegada do novo milênio), o London Eye tornou-se em uma das atrações mais populares de Londres. Calcula-se que mais de 3,5 milhões de pessoas por ano passeiam na London Eye, uma média de 10.000 por dia!

A EDF Energy London Eye tem 135 metros do solo e as espetaculares vistas que ela proporciona alcançam até 40 km em qualquer direção. A atração possui 32 cápsulas em formato semelhante a ‘casulos’, comportando um total de até 800 pessoas, e gira graciosamente como uma roda gigante.

Cada volta completa do London Eye dura meia hora, com a roda se movimentando a uma velocidade correspondente ao que seria apenas duas vezes a velocidade de um passo de tartaruga! Dessa forma, os visitantes da atração tem tempo de sobra para apreciar as privilegiadas vistas panorâmicas da cidade e registrar tudo em vários ângulos diferentes.

 

 

 

Parlamento do Reino Unido & Big Ben

O Palácio de Westminster, que abriga as Casas do Parlamento britânico, está bem à margem do rio Tâmisa. Sendo mais conhecido pelo relógio do Big Ben em uma de suas torres, o magnífico edifício neo-gótico data de 1840.

O Parlamento é composto por duas casas: a Câmara dos Comuns e a Câmara dos Lordes, e ambas têm suas câmaras de reuniões no palácio. Se você gosta de ver políticos insultando uns aos outros com piadas de mau gosto, é possível assistir aos encontros à partir da Galeria de Visitantes. Uma vez por ano, a rainha põe sua coroa, senta-se em seu trono na Câmara dos Lordes e comanda a abertura oficial do Parlamento.

 

 

 

 

Somerset House

De frente para o Rio Tâmisa, em Londres, a Somerset House foi originalmente construída a pedido de Edward Seymour, duque de Somerset e lord protetor da Inglaterra. Em sua versão original, foi um grande palácio Tudor, e um dos primeiros exemplos da arquitetura renascentista na Inglaterra. Ao longo dos anos, a Somerset House serviu como residência para a Rainha Elizabeth I, Rainha Anne da Dinamarca e General Fairfax. Foi ainda utilizada para exibir o corpo de Oliver Cromwell, após a sua morte em 1658.

Ao longo dos anos o palácio original Tudor caiu em desuso, e em meados do século 19 a Somerset House foi demolida e reconstruída como uma "construção nacional" neo-clássica grandiosa e imponente abrigando diversos escritórios públicos. Hoje em dia, a Somerset House funciona principalmente como um espaço público e centro cultural. Você vai encontrar nela a aclamada coleção da Galeria Courtauld, cafés e restaurantes, e os visitantes podem desfrutar de excursões guiadas.

 

 

 

Torre de Londres

A Torre de Londres é muito, mas muito antiga. Imagine que a Torre Branca central foi contruída por Guillerme, o Conquistador, após a sua invasão da Inglaterra em 1066: são mais de 900 anos de história! Durante todos esses anos, a Torre passou por diferentes fases e já serviu como palácio e fortaleza real, prisão e palco de execuções, casa da moeda, arsenal e zoológico.

Uma visita garante uma viagem pela história e tradição inglesa: desde 1485, os icônicos Beefeaters com seus icônicos uniformes vermelho e preto tem guardado a Torre. E os corvos também são cruciais na manutenção da segurança: segundo a superstição, se os corvos forem embora a monarquia cairá. Por isso, pelo menos seis corvos são devidademente cuidados e mantidos na residência o tempo todo.

Não perca um dos seus maiores destaques, a fascinante Jewel House, para ver alguns dos maiores e mais históricos diamantes do mundo incrustados nas vestes usadas para coroar os soberanos da Grã-Bretanha.

 

 

 

Tower Bridge

A Tower Bridge é um dos pontos turísticos mais emblemáticos de Londres. Foi inaugurada em 1894, projetada à semelhança da Torre de Londres, embora as duas não tenham nenhuma associação, com exceção da proximidade. Essa é uma ponte basculante, o que significa que ela se eleva para permitir que os navios e iates passem por baixo em direção a Pool of London, a zona portuária situada depois da ponte. O tráfego do rio tem prioridade sobre o tráfego rodoviário e os carros devem aguardar quando um barco precisa passar.

A ponte tem duas altas torres suspensas por cabos presos ao solo e ligadas por uma passarela suspensa entre as duas. Ela foi projetada para habilitar a travessia do rio pelos pedestres mesmo quando a ponte estivesse aberta, e você ainda pode caminhar por ela até hoje. Uma confusão comum é chamar a Tower Bridge de London Bridge, mas essa é a ponte mais próxima e muito mais simples

 

 

Locais de interesse em Londres

Estações de comboio: Estação de Waterloo, Estação de Victoria, Estação de Euston

 

Estações de metro em Londres: Charing Cross, Embankment, Estação de Metro de Leicester Square, Estação de Metro de Tottenham Court Road, Oxford Circus, Southwark (área), Estação Victoria, Estação de Metro de Russel Square, Pimlico (área), Marble Arch, Elephant & Castle, Ponte Vauxhall, Ponte de Londres, Estação Ferroviária de Marylebone, Estação de Metro de Edgware Road

 

Estádios ou arenas em Londres: Arena O2

 

Locais de interesse em Londres: Big Ben, Trafalgar Square, Palácio de Buckingham, Casas do Parlamento, Torre de Londres, London Eye, Banqueting House, The Serpentine, Sky Garden

 

Monumentos ou locais de interesse: Somerset House

 

Museus em Londres: British Museum (Museu Britânico)

 

Parques: Hyde Park, St. James's Park

 

Teatros: Teatro Prince Of Wales, Arts Theatre, Savoy Theatre, Queen's Theatre, Ambassadors Theatre, Teatro Piccadilly, Teatro Lyceum, Teatro Prince Edward, Royal Opera House, Theatre Royal Druru Lane (teatro), Dominion Theatre (teatro), King's Cross Theatre

 

Áreas comerciais: Galerias Comerciais Harrods

 

Áreas populares: Piccadilly Circus, Shaftesbury Avenue, Charing Cross Road (rua), Old Compton Street, Carnaby Street

Excurses

hotelbookingsmall

Visitantes on-line

Temos 293 visitantes e 0 membros em linha